Revogação de decretos de Saúde Mental e covid-19 são pautas do Comitê Estadual de Saúde Integral LGBT

A conselheira estadual de Saúde, representante de trabalhadoras e trabalhadores pelo Sindicato dos Enfermeiros de Minas Gerais (SEEMG), Carolina Angélica de Brito Silva, participou da reunião do Comitê Estadual de Saúde Integral LGBT de Minas Gerais, realizada no dia 29/01. O encontro discutiu temas como a revogação dos decretos de Saúde Mental e realização de seminário online para secretárias e secretários municipais de Saúde sobre a Política Estadual de Saúde Integral LGBT. A conselheira estadual de Saúde, Fernanda Coelho, também esteve presente, representando o Coletivo Bil – Coletivo de Mulheres Bissexuais e Lésbicas Transexuais e Cisgêneras de Minas Gerais.

Além das pautas iniciais, foram pautados o levantamento dos dados de pessoas LGBT infectadas pela covid-19 que acessaram o aplicativo Saúde Digital MG; e a importância da participação do comitê no Grupo de Trabalho (GT) do CES-MG, apontado como o principal espaço para garantia da continuidade do Ambulatório de Saúde Integral de Adolescentes, do Hospital Infantil João Paulo II (HIJPII).

A hebiatra do HIJPII citou o CES-MG pelo protagonismo na intensa manifestação social, que incluiu instituições de ensino, legislativo, representações civis e a mídia, para a retomada do atendimento a crianças e adolescentes transgêneros no mês de dezembro no ambulatório.

234 total views, 1 views today

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Accessibility