Ato Público na Praça Sete em comemoração ao Dia Mundial da Saúde

No dia 7 de abril (quinta-feira), das 11h às 13h, na Praça Sete de Belo Horizonte, as Comissões Intersetoriais de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora (CISTT) dos Conselhos Estadual de Saúde de Minas Gerais (CES-MG); e Municipal de Saúde de Belo Horizonte, juntamente com o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST) Municipal e Regional, o Sindicato dos Bancários de BH e região, a CUT e Sindicatos filiados, promovem um ATO PÚBLICO em comemoração ao DIA MUNDIAL DA SAÚDE.

Nesse dia acontece o lançamento da Campanha ABRIL VERDE, um movimento que tem como objetivo a prevenção de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais e a promoção à saúde, por meio de ações que visam a saúde e segurança do trabalhador. VERDE representa a cor da Segurança do Trabalho.

O mês de abril foi escolhido por conter duas datas importantes para o tema: o dia 07 de abril quando se comemora a criação da Organização Mundial de Saúde (OMS) e o Dia Mundial da Saúde, e o DIA 28 DE ABRIL, Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes do Trabalho. Essa data foi escolhida pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) em 2003 para homenagear vítimas de um acidente em uma mina de carvão no estado da Virgínia, EUA, em 1969.  No Brasil a Lei nº 11.121, de 2005, instituiu a data como Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes do Trabalho.

A cultura de prevenção de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais desafia governantes, empregadoras e empregadores, trabalhadoras e trabalhadores e sociedade. Minas Gerais e Belo Horizonte contam com Comissões Intersetoriais de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora (CISTT), estabelecidas no Artigo 12, da Lei Orgânica da Saúde 8.080/90, que tem o propósito de assessoramento dos conselhos de saúde federal, estadual e municipal na temática de Saúde da Trabalhadora e do Trabalhador. Minas Gerais conta com 19 e Belo Horizonte com dois Centros de Referência em Saúde do Trabalhador (CEREST), que atendem trabalhadoras e trabalhadores com agravos relacionados ao trabalho e realizam a vigilância nos locais de trabalho.

Texto: ASCOM/CMSBH

633 total views, 2 views today

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Accessibility