Enfraquecimento da Atenção Básica no SUS foi pauta da Reunião Ordinária do CES-MG

Conselheiras e conselheiros também debateram na plenária sobre a junção de importantes Núcleos da SES-MG

por André Barros (Estagiário de Jornalismo/CES-MG)

O Conselho Estadual de Saúde de Minas Gerais (CES-MG) realizou na manhã desta segunda-feira (09), em Belo Horizonte/MG, a reunião ordinária mensal da entidade com as conselheiras e conselheiros estaduais de saúde.

O início da reunião foi a apresentação da campanha de vacinação da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), mostrando as dificuldades para realização da imunização em pessoas com mais de 20 anos. De acordo com Diretora de Promoção à Saúde e de Agravos não Transmissíveis da SES-MG, Janaína Passos de Paula, ainda há resistência de parte da população em procurar as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Sistema Único de Saúde (SUS) para atualizarem o cartão de vacinas.

Plenária da reunião ordinária do CES-MG

Apoiando o Programa de Imunização da SES-MG, uma equipe do Centro de Saúde Carlos Chagas da Prefeitura Municipal de Belo Horizonte, permaneceu no Conselho durante toda a reunião, vacinando as conselheiras e os conselheiros, além dos servidores da Regional de Saúde de Belo Horizonte.

Equipe de vacinação do Centro de Saúde Carlos Chagas da PBH

Dando seguimento à reunião, o vice-presidente do CES-MG, Ederson Alves da Silva (CUT-MG), apresentou as novas integrantes do Conselho, Magda Rodrigues, da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (FHEMIG) e Gabriela Aparecida Oliveira Matoso, da Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia (Abrale), como novas conselheiras de saúde.

A reunião recebeu ainda os subsecretários da SES-MG, Darlan Pereira (Gestão Regional) e Marcilio Magalhães (Políticas e Ações de Saúde), que apresentaram proposta de junção dos Núcleos de Atenção Primária à Saúde e de Apoio à Atenção Primaria a Saúde (NAPRIS) com os Núcleos de Redes de Atenção (NRAS).

Mesa Diretora do CES-MG na plenária de 09/12/2019

O assunto teve amplo debate por parte das conselheiras e dos conselheiros e como a temática requer mais detalhes das consequências dessa fusão, o plenário decidiu que esse assunto seja pautado novamente na próxima reunião ordinária agendada para fevereiro de 2020, em que será realizado os devidos encaminhamentos.

Na parte da tarde, a reunião ordinária do Conselho foi realizada na Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), onde foi realizada palestra com a doutora em Saúde Coletiva e docente da Universidade Federal Fluminense (UFF), Patty Fidelis de Almeida, sobre a nova proposta de financiamento da Atenção Básica no SUS.

Após a atividade, as participantes e os participantes da palestra caminharam pela região hospitalar até a sede do Ministério da Saúde, na região central da capital, para protocolar documento contrário à nova proposta de financiamento para a Atenção Básica proposta pelo atual Governo Federal.

176 total views, 1 views today

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Accessibility