CES-MG tem duas experiências selecionadas para o Laboratório de Inovação – Conselhos de Saúde e Participação Social na resposta à covid-19

O Conselho Estadual de Saúde de Minas Gerais (CES-MG) teve duas experiências habilitadas na primeira fase do Laboratório de Inovação Conselhos de Saúde e Participação Social na resposta à Covid-19, iniciativa do Conselho Nacional de Saúde (CNS), em parceria com a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) no Brasil. O CES-MG se inscreveu com os relatos “A experiência de Comunicação remota e atuante do Conselho Estadual de Saúde de Minas Gerais durante a pandemia de Covid-19” e também “Plenárias Regionais do Conselho Estadual de Saúde de Minas Gerais”.

O laboratório busca conhecer experiências e projetos de participação social no enfrentamento da covid-19, especialmente aquelas que têm articulação com os Conselhos de Saúde.

Todas as experiências participarão de encontros virtuais para promover o compartilhamento de experiências e também irão compor o repositório do Portal da Inovação na Gestão do SUS, no Portal da Inovação na Gestão do SUS.

“De acordo com a coordenadora da Unidade Técnica de Sistemas e Serviços de Saúde da OPAS Brasil, Mônica Padilla, o laboratório possui uma ampla discussão com os Conselhos de Saúde, para que se mobilizem com as universidades e outros segmentos da sociedade. Para a 1ª diretora de Comunicação e Informação do SUS do CES-MG, Fernanda Coelho, a iniciativa do CNS e da OPAS Brasil é muito bem-vinda. “A pandemia de covid-19 trouxe desafios importantes para o sistema de saúde como um todo e para o Controle Social não foi diferente. E o CES-MG manteve as atividades e a participação ativas no estado, por meio de recursos virtuais para que os conselhos se mantivessem atuantes e ativos, estimulando a maioria de conselheiras e conselheiros a participarem das atividades”.

A 2ª diretora de Comunicação e Informação do SUS do CES-MG, Marília Oliveira, ressalta que esse trabalho estimulou, inclusive, investir em um projeto antigo do Conselho de realizar as plenárias regionais de conselhos municipais de Saúde e instituir os Colegiados Regionais, instâncias permanentes, que pretendem aproximar o diálogo entre os conselho e foi essencial na pandemia de covid-19.

Para conhecer todas as experiências habilitadas, clique aqui.

254 total views, 2 views today

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Accessibility